7 Motivos Para Contratar um Seguro de Viagem

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
Reddit
Tumblr

Palavra-chave: seguro de viagem

Meta-descrição: Neste artigo, você vai descobrir por que o seguro de viagem é realmente necessário e vale a pena investir. Confira 7 motivos para não viajar sem ele.

Você já pensou em contratar um seguro de viagem para a sua próxima aventura? Se a sua resposta é não, você pode estar correndo um grande risco.

O seguro de viagem é um serviço que oferece cobertura para diversas situações que podem acontecer durante uma viagem, como acidentes, doenças, cancelamentos, perda de bagagem, entre outras.

Neste artigo, você vai descobrir por que o seguro de viagem é realmente necessário e vale a pena investir. Confira 7 motivos para não viajar sem ele.

Uma História Que Mostra a Importância do Seguro de Viagem

Uma História Que Mostra a Importância do Seguro de Viagemante

Antes de entrarmos nos detalhes dos benefícios do seguro de viagem, vamos contar uma história real que mostra como ele pode fazer a diferença em uma situação crítica.

Em 2022, um casal brasileiro decidiu viajar para a Tailândia, um destino exótico e cheio de atrações.

Eles planejaram tudo com antecedência, compraram as passagens, reservaram os hotéis e fizeram as malas.

Porém, eles não contrataram um seguro de viagem, achando que era um gasto desnecessário.

No segundo dia da viagem, eles resolveram fazer um passeio de barco pelas ilhas paradisíacas do país.

Tudo ia bem, até que uma forte tempestade se formou no mar e o barco virou. Eles conseguiram se salvar, mas perderam todos os seus pertences, inclusive os documentos e o dinheiro.

Além disso, eles sofreram alguns ferimentos e precisaram de atendimento médico.

Sem o seguro de viagem, eles tiveram que arcar com todas as despesas do próprio bolso, além de enfrentar a burocracia para conseguir novos documentos e passagens.

O que era para ser uma viagem dos sonhos se transformou em um pesadelo.

Os Benefícios do Seguro de Viagem

Os Benefícios do Seguro de Viagem
Os Benefícios do Seguro de Viagem

A história acima ilustra apenas um dos muitos imprevistos que podem acontecer durante uma viagem.

Por isso, é fundamental contratar um seguro de viagem que ofereça cobertura para as suas necessidades específicas.

Veja a seguir alguns dos benefícios que o seguro de viagem pode proporcionar:

Assistência Médica e Odontológica

Um dos principais motivos para contratar um seguro de viagem é ter acesso à assistência médica e odontológica em caso de emergência.

Dependendo do destino e do tipo de viagem, você pode estar exposto a diferentes riscos de saúde, como doenças infecciosas, intoxicações alimentares, alergias, acidentes, entre outros.

Se você precisar de atendimento médico ou odontológico no exterior, você pode ter que pagar uma fortuna pelos serviços, pois muitos países não têm sistema público de saúde ou não aceitam estrangeiros.

Além disso, você pode ter dificuldades para encontrar profissionais qualificados ou que falem o seu idioma.

Com o seguro de viagem, você tem direito a receber assistência médica e odontológica 24 horas por dia, em qualquer lugar do mundo.

Você pode escolher entre ser atendido em uma rede credenciada ou ser reembolsado posteriormente pelos gastos.

O seguro também cobre os custos com medicamentos, exames e cirurgias, até o limite contratado.

Seguro Bagagem

Outro benefício do seguro de viagem é o seguro bagagem, que garante a indenização em caso de perda, roubo ou danos à sua mala ou aos seus objetos pessoais durante a viagem.

Imagine chegar ao seu destino e descobrir que a sua bagagem foi extraviada ou violada pela companhia aérea.

Ou então ter a sua mochila roubada enquanto você passeia pela cidade. Essas situações podem causar muita dor de cabeça e prejuízo financeiro.

Com o seguro bagagem, você pode receber uma compensação pelo valor declarado da sua bagagem ou pelo peso dela, de acordo com as regras da sua apólice.

Você também pode receber uma ajuda de custo para comprar itens de primeira necessidade, caso a sua bagagem demore mais de 12 horas para ser entregue.

Cancelamento, Interrupção e Atraso de Viagem

Outra situação que pode acontecer durante uma viagem é o cancelamento, a interrupção ou o atraso de algum serviço contratado, como voo, hotel, passeio, entre outros.

Isso pode ocorrer por diversos motivos, como problemas climáticos, greves, overbooking, doenças, acidentes, etc.

Se você tiver que cancelar, interromper ou adiar a sua viagem por algum motivo de força maior, você pode ter que pagar multas e taxas às empresas envolvidas.

Além disso, você pode perder o dinheiro já investido na viagem ou ter que arcar com despesas extras, como hospedagem, alimentação e transporte.

Com o seguro de viagem, você pode receber o reembolso das despesas não utilizadas ou adicionais em caso de cancelamento, interrupção ou atraso de viagem, até o limite contratado.

Você também pode receber uma assistência para remarcar os seus serviços ou encontrar alternativas.

Assistência Jurídica e Seguro de Vida

Outros benefícios que o seguro de viagem pode oferecer são a assistência jurídica e o seguro de vida.

Esses serviços podem ser úteis em caso de envolvimento em algum acidente ou problema legal durante a viagem.

A assistência jurídica oferece orientação e suporte em caso de necessidade de contratar um advogado ou pagar uma fiança no exterior.

O seguro de vida garante o pagamento de uma indenização aos beneficiários em caso de morte ou invalidez permanente do segurado durante a viagem.

Esses benefícios podem trazer mais tranquilidade e segurança para você e para a sua família em caso de algum imprevisto grave.

As Dúvidas Mais Comuns Sobre o Seguro de Viagem

As Dúvidas Mais Comuns Sobre o Seguro de Viagem
As Dúvidas Mais Comuns Sobre o Seguro de Viagem

Agora que você já sabe os benefícios do seguro de viagem, você pode estar se perguntando como contratar esse serviço e como usá-lo.

Veja a seguir as respostas para as dúvidas mais comuns sobre o seguro de viagem:

Como Contratar um Seguro de Viagem?

Para contratar um seguro de viagem, você deve pesquisar as opções disponíveis no mercado e escolher a que melhor se adapta ao seu perfil e ao seu destino.

Você pode fazer isso pela internet, comparando os planos e os preços das diferentes seguradoras.

Você também pode contar com a ajuda de um agente de viagens ou de um corretor de seguros para tirar as suas dúvidas e fazer a sua cotação.

Você deve contratar o seguro de viagem antes do início da sua viagem, informando os dados pessoais dos viajantes, o período e o destino da viagem, e o tipo e a cobertura do plano escolhido.

Você deve pagar o valor do prêmio do seguro e receber a sua apólice por e-mail ou impressa.

Você deve ler atentamente a sua apólice e verificar as condições gerais, as coberturas contratadas, os limites e as exclusões do seguro.

Você também deve guardar o seu número da apólice e o telefone da central de atendimento da seguradora em um lugar seguro e acessível.

Como Usar o Seguro de Viagem?

Para usar o seguro de viagem, você deve entrar em contato com a central de atendimento da seguradora assim que ocorrer algum imprevisto durante a sua viagem.

Você deve informar o seu número da apólice, os seus dados pessoais, o local onde você está e o motivo da sua solicitação.

A seguradora vai orientá-lo sobre como proceder em cada situação e indicar os locais onde você pode ser atendido ou receber assistência.

Você deve seguir as instruções da seguradora e guardar todos os comprovantes dos serviços utilizados ou das despesas realizadas.

Para receber o reembolso das despesas cobertas pelo seguro, você deve enviar à seguradora os documentos solicitados, como notas fiscais, recibos, laudos médicos, boletins de ocorrência, etc.

A seguradora vai analisar os documentos e liberar o pagamento do reembolso em até 30 dias.

O Seguro de Viagem é Obrigatório?

Outra dúvida que muitas pessoas têm sobre o seguro de viagem é se ele é obrigatório ou não. A resposta é: depende do destino e do tipo de viagem que você vai fazer.

Existem alguns países que exigem que os viajantes tenham um seguro de viagem com uma cobertura mínima para entrar em seu território.

Esses países fazem parte do Tratado de Schengen, um acordo que estabelece a livre circulação de pessoas entre 26 países europeus.

Alguns desses países são: Alemanha, França, Itália, Espanha, Portugal, Grécia, entre outros.

Para viajar para esses países, você deve ter um seguro de viagem com uma cobertura mínima de 30 mil euros para despesas médicas e repatriação.

Você deve apresentar o comprovante do seguro na imigração, junto com o seu passaporte e o seu visto, se necessário.

Outros países que também exigem o seguro de viagem são: Cuba, Venezuela, Equador, Bolívia, entre outros.

Cada país tem as suas próprias regras e valores de cobertura mínima. Você deve se informar sobre as exigências do seu destino antes de viajar.

Além dos países que exigem o seguro de viagem, existem também os casos em que o seguro de viagem é recomendado ou opcional.

Por exemplo, se você vai viajar para os Estados Unidos, Canadá ou Austrália, você não é obrigado a ter um seguro de viagem, mas é altamente recomendado que você tenha um.

Isso porque esses países têm um custo de saúde muito alto e não oferecem atendimento gratuito aos estrangeiros.

Se você vai viajar para países da América do Sul, Ásia ou África, você também pode optar por ter ou não um seguro de viagem.

Porém, é importante considerar os riscos de saúde e segurança que esses destinos podem apresentar.

Você pode estar sujeito a doenças tropicais, acidentes de trânsito, violência urbana, entre outros.

Portanto, o seguro de viagem pode ser obrigatório, recomendado ou opcional, dependendo do destino e do tipo de viagem que você vai fazer.

Mas independentemente disso, o seguro de viagem é sempre uma forma de proteger a sua saúde, a sua segurança e o seu bolso em caso de algum imprevisto.

Como Escolher o Melhor Seguro de Viagem Para Você

Como Escolher o Melhor Seguro de Viagem Para Você
Como Escolher o Melhor Seguro de Viagem Para Você

Agora que você já sabe os motivos para contratar um seguro de viagem e como usá-lo, você deve estar se perguntando como escolher o melhor seguro de viagem para você.

Afinal, existem muitas opções no mercado e cada uma tem as suas características e vantagens.

Para escolher o melhor seguro de viagem para você, você deve levar em conta alguns fatores, como:

O destino da sua viagem: você deve verificar se o país que você vai visitar exige ou não um seguro de viagem e qual é a cobertura mínima necessária.

Você também deve considerar os riscos de saúde e segurança que o país pode oferecer.

O período da sua viagem: você deve contratar um seguro de viagem que cubra todo o período da sua viagem, desde a data da saída até a data do retorno.

Você também deve verificar se o seguro permite a extensão ou a renovação do prazo em caso de necessidade.

O tipo da sua viagem: você deve contratar um seguro de viagem que seja adequado ao tipo da sua viagem, seja ela a lazer, a trabalho, a estudo ou a aventura.

Você deve verificar se o seguro cobre as atividades que você pretende realizar na viagem, como esportes radicais, passeios culturais, cursos acadêmicos, etc.

O perfil dos viajantes: você deve contratar um seguro de viagem que atenda às suas necessidades específicas e às dos seus acompanhantes.

Você deve verificar se o seguro oferece coberturas especiais para gestantes, idosos, crianças, portadores de doenças crônicas ou preexistentes, etc.

O custo-benefício do seguro: você deve comparar os planos e os preços das diferentes seguradoras e escolher o que oferece o melhor custo-benefício para você.

Você deve avaliar não apenas o valor do prêmio do seguro, mas também as coberturas contratadas, os limites e as exclusões do seguro.

Para facilitar a sua escolha do melhor seguro de viagem para você, você pode usar ferramentas online que comparam os planos e os preços das principais seguradoras do mercado.

Você também pode consultar as avaliações e os depoimentos de outros viajantes que já usaram o seguro de viagem.

Conclusão

Neste artigo, você aprendeu por que o seguro de viagem é realmente necessário e vale a pena investir.

Você viu 7 motivos para não viajar sem ele, como:

  • Assistência médica e odontológica
  • Seguro bagagem
  • Cancelamento, interrupção e atraso de viagem
  • Assistência jurídica e seguro de vida

Você também viu como contratar e usar o seguro de viagem, como verificar se ele é obrigatório ou não para o seu destino e como escolher o melhor seguro de viagem para você.

Esperamos que este artigo tenha sido útil e esclarecedor para você. Agora você está pronto para planejar a sua próxima viagem com mais segurança e tranquilidade.

Veja também, Como Economizar Dinheiro em Viagens: 7 Dicas Práticas

Se você gostou deste artigo, compartilhe com os seus amigos nas redes sociais. E se você tem alguma dúvida, opinião ou sugestão sobre o seguro de viagem, deixe um comentário abaixo.

Nós vamos adorar saber o que você pensa.

Até a próxima!

Por Lazaro Silva

Por Lazaro Silva

Especialista em Marketing Ditigal e Analista de Sistemas

Compartilhe este post:

Novos Conteúdos!